Fala Ferreira

Assim me saúdam os amigos de Guatemala.

Confluência perversa

Num texto que escrevi há pouco tempo alertei para a eventualidade de uma confluência perversa no seio do movimento Geração À Rasca. Só me equivoquei no grau! O movimento é muito mais amplo nos interesses que manifesta do que eu pensava. Convergência perversa, termo cunhado pela cientista política brasileira Elevina Dagnino, significa a partilha do mesmo discurso político para manifestar objectivos antagónicos. Hoje soube-se da existência de duas páginas no Facebook, uma aqui e outra aqui, com o nome “Geração à Rasca”. Só a primeira foi criada pelas três pessoas que convocaram o protesto.

A segunda página reclama a sua legitimidade no facto de ser um movimento sem líderes. O raciocino é lógico. Mas o problema nem é esse. Como já escrevi naquele texto

(…) convergindo no diagnóstico da incompetência do Estado, fazem-no por interesses divergentes. Os primeiros pedem do Estado soluções de qualidade, isto é, exigem um Estado competente. Os segundos acreditam que as soluções de qualidade só podem vir do sector privado e, portanto, exigem que o Estado se retire (p. 23).

O texto completo aqui.

Moral da história… as ideologias não terminam nos partidos. De facto, o problema de falar em ideologia é que não há nada que não seja ideológico.

Antecipando as críticas, permitam-me definir ideologia ou “falsa consciência”. Ideologia é, segundo Marx, um discurso que desconhece os interesses a que serve. Sendo que nunca estamos completamente dotados dos meios para reconhecer os interesses numa sociedade, é muito difícil quando emitimos uma opinião estejamos cientes de a quem ela serve. Basta pensar que, para saber a quem ela serve é preciso saber a quem não serve na totalidade da sociedade.

Por exemplo: Não basta eu dizer que a minha opinião “os políticos são todos iguais” serve-me a mim contra os políticos. Com isto ignorei os lobbistas que preferem que as decisões políticas sejam tomadas nos corredores do governo ao invés de serem tomadas em campanha eleitoral.

Anúncios

6 de Março de 2011 - Posted by | Ideologia, Portugal, Sociedade portuguesa | , ,

Sorry, the comment form is closed at this time.

%d bloggers like this: